Banho de Lua

O banho de lua é um método ótimo para quem quer disfarçar os pelos, mas não está a fim de aguentar a dor da cera ou a agressividade das lâminas. A descoloração é econômica, indolor e dá para fazer em casa simultaneamente às suas demais atividades.
 
Ao mesmo tempo, é um procedimento químico e pode acabar causando alergias, coceiras e irritações. “Lembre-se sempre de que a pele está embaixo dos pelos!”, alerta a esteticista Suely Santos D’Alessandro.
 
Então, não pense que é só preparar uma mistura com água oxigenada e produto descolorante. Para que o banho de lua dê certo, deve-se proteger o corpo antes da tintura e hidratá-lo depois.
 
Outro ponto que você precisa ter em mente é uma desvantagem da técnica: enquanto a depilação com cera afina e diminui os pelos, a descoloração os engrossa. Portanto, o mais indicado é clarear áreas de pouca penugem, como barriga, braços ou coxas.
 
A seguir, veja o passo a passo para fazer o banho de lua em casa sem riscos:
 

Limpeza e proteção da pele

 
Seu corpo deve estar limpo para receber a química; por isso, o mais eficaz é tomar um banho antes de começar.
 
Em seguida, faça uma esfoliação na pele a fim de eliminar todas as células mortas. Para ativar gradativamente a sua circulação, o ideal é passar o esfoliante fazendo movimentos anti-horários.
 
Suely D’Alessandro ensina uma receita caseira para quem não quer gastar muito com cremes. Acrescente água mineral em duas colheres de fubá e uma de açúcar até que a mistura atinja a consistência de uma papinha: nem líquida, nem sólida.
 
É preciso ainda impermeabilizar-se para evitar aquela coceirinha chata causada pelo pó descolorante. Para isso, aplique no corpo uma camada fina de vaselina líquida ou óleo de amêndoas.
 

Descoloração

 
Com antecedência, faça o teste para verificar se você tem algum tipo de alergia aos produtos que serão utilizados. Para isso, basta aplicar o creme em uma pequena área de seu corpo e esperar 24 horas para checar se não há qualquer reação.

 
A mistura para o clareamento é composta por água oxigenada de 30 volumes e um pacote de pó descolorante da marca de sua preferência, ensina Suely.
Atenção: jamais deixe que o produto entre em contato com alumínio, pois essa substância reage com a água oxigenada. Nem pense em, por exemplo, usar uma colherinha de cozinha para mexer os ingredientes.
 
A aplicação do creme pode ser feita com um pincel daqueles usados para tingir o cabelo. “Não esfregue muito, porque sua pele já está sensibilizada por causa da esfoliação”, alerta Suely.
 
Se quiser usar as mãos, não se esqueça de colocar uma luvinha cirúrgica.
 
A química deve agir por 20 minutos, e a melhor maneira de retirá-la é tomando outro banho.
 

Protegendo seu corpo

 
Esfolie novamente a pele para tirar totalmente qualquer resíduo do pó. Para finalizar, passe um creme hidratante no corpo todo.
 
O procedimento completo dura cerca de 40 minutos.
 
Banho de lua de salão
 
Muitos salões e clínicas estéticas também realizam o método seguindo as mesmas etapas descritas anteriormente.
 
A diferença é que, muitas vezes, o serviço é combinado com técnicas de relaxamento. É comum, por exemplo, finalizar o processo com uma massagem no corpo todo. Quer coisa melhor?
 
O banho de lua profissional dura de 1h a 1h30 e custa aproximadamente 100 reais.
 

Cuidados ao descolorir os pelos
 

  • Não deixe a química entrar em contato com feridas ou áreas irritadas. Além disso, é possível que ela altere a cor da sua tatuagem.
  • Os produtos são abrasivos; então, nem pense em descolorir regiões com mucosas, como o buço ou as partes íntimas.
  • Cuidado ao abrir o pacotinho do pó descolorante. Se você aspirá-lo, pode causar irritações em seu nariz.
  • Grávidas estão proibidas de realizar o banho de lua. Durante a gestação, a mulher fica mais sensível e pode ter reações alérgicas a componentes a que antes estavam acostumadas.

– Crianças também não devem descolorir os pelos. “A pele é muito novinha; espere pelo menos até a puberdade para entrar em contato com químicas”, avisa Suely.
  • Muito cuidado ao clarear a região do rosto, pois o produto não pode entrar em contato com a boca, nariz, olhos e cabelos. Quem tem a pele muito clara ou sensível deve evitar o procedimento nessa região.


  • É comum fazer a aplicação do pó descolorante e ir para a beira da piscina, mas isso agride a pele duplamente: com a química e com os raios solares.

Tratamentos Corporais